Header Ads

Os quatro jardins mais belos para visitar em Portugal

Os quatro jardins mais belos para visitar em Portugal
A primavera inicia-se no dia 20 de março e os dias estão a
ficar cada vez mais quentes e iluminados pelo sol.
Não há dúvidas: esta é a altura perfeita para passear pela
natureza e conhecer os sítios repletos de plantas e
de animais. Em Portugal, há muitos destes sítios: apesar de
este ser um país pequeno, com cerca de
10 milhões de habitantes, as belezas naturais lusitanas são
muito diversas. Desde as montanhas até às belas
praias, há sempre o que visitar.

Neste artigo, vamos falar sobre os quatro jardins mais bonitos
para conhecer em Portugal. Contudo, antes de irmos ao
assunto, deixamos o link para o portal
Telefone-Número, onde poderás encontrar os
Contactos de Apoio ao Cliente de diversas empresas em
Portugal, bem como informações sobre o seu
funcionamento e a sua história.

De momento, vamos aos quatro mais belos jardins de
Portugal:
  1. Parque de Monserrate – Sintra

Este Parque integra, além de 33 hectares de áreas verdes, o
Palácio de Monserrate, que atrai milhares de
turistas todos os anos. Possui diversos jardins, onde podes
encontrar uma vasta coleção botânica.
A construção estendeu-se de 1863 a 1929, e destacamos
dois dos jardins que compõem o local: o
Jardim do México, que está situado na zona mais quente e
seca da propriedade e reúne plantas dos climas
mais quentes; e o Jardim do Japão, no qual há plantas
asiáticas como bambu, camélia, entre outras.
  1. Jardim Botânico da Madeira
Situado a cerca de três quilómetros do centro da cidade do
Funchal, na ilha da Madeira, este jardim é
constituído por diversas espécies botânicas. São mais de
2500 plantas oriundas de todos os continentes e,
portanto, poderás encontrar plantas de zonas do planeta
totalmente opostas – como as plantas dos Himalaias
e as dos trópicos. Também reúne aves exóticas e raras:
por exemplo, os Periquitos Australianos, os Papagaios
Anões e muitos outros.
O sítio é tão popular que, anualmente, cerca de 345 mil
pessoas o visitam. Ainda, entre 2000 e 2009, mais
de 2,8 bilhões de pessoas o visitaram.
  1. Jardim do Paço Episcopal – Castelo Branco

Este é considerado um dos mais originais exemplares do
barroco em Portugal, com mais de 5 mil metros
quadrados construídos. O Bispo da Guarda, no século XVIII,
encomendou a construção do Jardim. O espaço
é maioritariamente ocupado por balcões e varandas com
guardas de ferro, dispõe de cinco lagos e é dividido
em quatro sítios diferentes: a entrada, o patamar do buxo, o
Jardim Alagado e o Plano Superior.
Podes sempre encontrar diversas estátuas alusivas ao Antigo
Testamento e à simbologia da água como
elemento purificador.

  1. Mata Nacional dos Sete Montes – Tomar
Esta é considerada uma fonte rica de património histórico na
cidade de Tomar, no centro de Portugal.
Possui 39 hectares de extensão e ocupa sete colinas de uma
vegetação diversificada, ondem podem ser
encontradas ervas aromáticas e medicinais. Esta mata era
usada pela Ordem de Cristo, e sustentava essa
comunidade monástica com hortas e pomares. Em 1938 foi
devolvida à posse do Estado, depois de quase um
século nas mãos da família Costa Cabral, que a comprou
em conjunto com o Convento de Cristo.
Ivy, Planta, Jardín, La Naturaleza, Verde




Nenhum comentário